Home » Notícias » Cidades já acumulam mais de 100 mm de chuva no RJ

Cidades já acumulam mais de 100 mm de chuva no RJ

Várias cidades acumulam mais de 100 mm em 24h. Chuva no RJ ainda poderá causar mais transtornos no estado nos próximos dias

Choveu muito entre a tarde de quarta-feira (03) e a manhã de quinta-feira (04), conforme já havia sido previsto pela Climatempo. O fluxo de ar quente e úmido vindo do centro-norte do Brasil e a passagem de uma frente fria pelo mar favoreceram a formação de nuvens muito carregadas que se espalharam pelo estado do Rio de Janeiro. Os volumes acumulados até a manhã desta quinta-feira (04) já passavam de 100 milímetros em muitas cidades do centro-sul do estado. O excesso de chuva causou deslizamento de terra em Petrópolis, na região serrana.

De acordo com o Cemaden, Centro de Monitoramento Ambiental e Desastres Naturais, entre 10 horas de quarta (03) e 10 horas de quinta (04) choveu 154 mm (milímetros) em Cachoeiras de Macacu, 120 mm em Nova Friburgo, 118 mm em Itaboraí, 112 mm em Santa Maria Madalena e 110 mm em Maricá. Muitas outras cidades, como Angra dos Reis, Petrópolis, Trajano de Morais e Magé acumularam entre 80 mm e 100 mm nesse mesmo período

Climatempo: Foto de Wanderley Mattos, Rio de Janeiro (RJ)

Cidade do Rio

Na cidade do Rio de Janeiro, antes da chuvarada, fez muito calor. às 10 horas da manhã de quarta-feira, a temperatura era de 36ºC. A chuva veio forte a partir da tarde e o acumulado pelo Cemaden ficou em 66 milímetros. O Alerta Rio, da Prefeitura do Rio de Janeiro, registrou 72 milímetros na região do Recreio dos Bandeirantes.

 

Chuva diminui nesta quinta-feira

As áreas de instabilidade mais intensas estão saindo do estado do Rio de Janeiro. A chuva já enfraqueceu no centro-sul do estado e ao longo desta quinta-feira o Grande Rio e a região serrana não devem ter mais chuva forte. Ainda chove na tarde e noite de hoje em todo o estado do Rio de Janeiro, mas a previsão é de que chova com no máximo moderada intensidade. O norte e o noroeste fluminense ainda pode ter chuva moderada a forte.

Mesmo com a diminuição da chuva, há risco de deslizamento de terrra no estado do Rio, especialmente na Baixada Fluminense,  região serrana e na Costa Verde por causa do grande volume de chuva que vem caindo desde o fim de 2017.

 

Nova frente fria

A chuva ainda poderá causar mais transtornos no estado do Rio de Janeiro nos próximos dias. Para esta sexta-feira (05) há previsão de mais chuva, que deve ser fraca  a moderada no litoral sul e na região metropolitana do Rio, mas ainda pode vir moderada a forte nas demais regiões.

No primeiro fim de semana de 2018, todo o estado do Rio de Janeiro terá pancadas de chuva. No sábado, 6 de janeiro, o sol aparece forte e as pancadas de chuva com raios voltam a ocorrer à tarde e em parte da noite, mas não devem se prolongar por muitas horas. Porém, no domingo, 7, o risco de temporais aumenta novamente no Grande Rio e no centro-sul fluminense, por causa da chegada de outra frente fria. No domingo não deve chover no norte fluminense.

Fonte Climatempo / Por Josélia Pegorim

 

 

Veja também

Zona de Convergência traz mais chuva para a região

Zona de Convergência causa concentração das áreas de nebulosidade chuva no Sudeste. Muitos locais podem …

Frente fria traz muita chuva para parte do Sudeste

Frente fria deve trazer chuva já a partir deste fim de semana, prolongando-se por vários …

Outubro termina com chuva na região Sudeste

A chuva na região Sudeste deve continuar nesta terça-feira. No Noroeste Fluminense, a previsão é …