Home » Sociais » Coluna do Leitor » Coluna do Leitor: A Crise Hídrica na Bacia do Rio Muriaé.

Coluna do Leitor: A Crise Hídrica na Bacia do Rio Muriaé.

Olá amigos, hoje nós vamos falar sobre a grave crise hídrica que assola a Bacia do Rio Muriaé.  

O Rio Muriaé nasce na Serra da Mantiqueira, no Município de Mirai/MG, a 900 m de altitude, percorre em sua extensão de 250 km, passando pelos municípios de Mirai, Muriaé e Patrocínio do Muriaé, no Estado de Minas Gerais. Lages do Muriaé, Itaperuna, Italva, Cardoso Moreira e Campos dos Goitacazes, no Estado do Rio de Janeiro.

Henri Gonçalves
Henri Gonçalves

Tem como afluentes os Rios Glória, Carangola e Gavião – o Rio Carangola é o maior entre os dois. Desemboca do Rio Paraíba do Sul, na altura do município de Campos dos Goitacazes e sua Bacia abrange uma vasta área de 8.292 km².

O longo período sem chuvas atinge além do Rio Muriaé, todos os demais rios da região – Pomba, Carangola e Itabapoana – e vem provocando uma queda acentuada no nível destes rios, causando grade transtorno para os municípios ribeirinhos.

Seca-no-Rio-Muriaé-300x225
No município de Itaperuna, o volume do Rio Muriaé caiu drasticamente. Foto: Radio Itaperuna FM

 

As Regiões Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro vêm tendo a sua economia castigada, sem piedade, pela longa estiagem.

Em São Fidélis/RJ, por exemplo, 20 caminhões de cana de açúcar são transportados, diariamente de Campos dos Goitacazes, para alimentar o gado que está morrendo por falta de pastagens.

Em Itaperuna/RJ, outro município que sofre com a estiagem, o nível do Rio Muriaé chegou a 30 cm e em alguns pontos corre apenas um filete d’água.

Ainda em Itaperuna/RJ, maior cidade do noroeste fluminense e importante bacia leiteira, a estiagem provoca grande prejuízo, com uma queda de 40% na produção leiteira. A agricultura também está bastante afetada pela falta de chuvas.

Entre Cardoso Moreira e Italva, no Estado do Rio de Janeiro, o nível do Rio chegou a marcar 20 cm – o mais baixo até então – é possível atravessar a pé, de uma margem a outra, sem se molhar. Vale ressaltar que o nível esperado para o período era de 2 m.

lagoa
A Lagoa do Assentamento Francisco Julião, em Cardoso Moreira/RJ, secou, confirmando que o município enfrenta a sua pior seca dos últimos 50 anos. Foto G1

A estiagem está provocando a falta d’água até para o consumo humano. Vários agricultores do assentamento, sem alternativas, mudaram-se para o centro do município.

Desde o início do ano a região raciona água potável para consumo humano e na zona rural, produtores que perderam tudo com a estiagem prolongada, agora tentam sobreviver perfurando poços tentando alcançar o lençol freático.

Mais de 150 mil pessoas, de acordo com os dados fornecidos pelo governo do Estado do Rio de Janeiro, enfrentam, atualmente, problemas de abastecimento de água devido ao nível mínimo dos rios da região.

Todos os municípios da região deveriam priorizar ações, em conjunto com os agricultores, de proteção e preservação das nascentes e mananciais, protegendo e/ou reflorestando os arredores com a vegetação nativa.

O curso dos rios deve ser protegido contra o assoreamento, fazendo-se o reflorestamento, de 100 metros de largura, em cada uma de suas margens.

O saneamento básico e o tratamento da água são outros pontos importantes que deveriam ser olhados com muito interesse pelos municípios, para evitar o despejo de esgoto in natura nos rios.

O momento atual exige que o comércio, a indústria e a população em geral, adotem práticas efetivas de economia e racionalização no uso da água.

A seguir transcrevemos a previsão de chuvas para os próximos dez dias (24/10/2015 a 02/11/2015) feitas pelo Climatempo:

Previsão de chuvas para Carangola:

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
17mm 9mm 0mm 2mm 11mm 10mm 0mm 0mm 0mm 0mm

 

Total: 49mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Tombos:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
17mm 9mm 0mm 2mm 12mm 8mm 0mm 0mm 0mm 0mm

 

Total: 48mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Porciúncula:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
2mm 10mm 0mm 2mm 15mm 17mm 4mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 54mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Santa Clara:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
3mm 10mm 0mm 2mm 14mm 5mm 2mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 40mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Purilândia:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
4mm 10mm 0mm 2mm 16mm 11mm 2mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 49mm para 10dias.

 

Previsão de chuvas para Natividade:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
2mm 10mm 0mm 2mm 7mm 10mm 2mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 37mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Itaperuna:

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
2mm 10mm 0mm 2mm 25mm 16mm 4mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 63mm para 10 dias.

 

Previsão de chuvas para Cardoso Moreira :

 

24/10 25/10 26/10 27/10 28/10 29/10 30/10 31/10 01/11 02/11
2mm 10mm 0mm 2mm 22mm 9mm 4mm 0mm 2mm 2mm

 

Total: 53mm para 10 dias.

 

 

Por hoje é só, amigos e amigas. Que DEUS os abençoem e um grande abraço em todos.

 

Henri Abreu Gonçalves

Veja também

Opinião: A entrevista do General Eduardo Villas Boas

O Blog do Tribuna traz a opinião do jornalista carioca Wilian Oliveira, sobre a entrevista do …

Queremos nosso Estado de volta!

Em mais uma edição da Coluna do Leitor, o porciunculense Henri Gonçalves, com o oportuno …

Época de crise? Época de cortar despesas!

Queridos amigos e amigas, hoje falaremos sobre a necessidade de corte nos gastos municipais para …

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: