Home » Esportes » Automobilismo » Há 25 anos, Fittipaldi vencia pela 1ª vez as 500 Milhas de Indianápolis.

Há 25 anos, Fittipaldi vencia pela 1ª vez as 500 Milhas de Indianápolis.

Leandro Fernandes
Por Leandro Fernandes

 

Hoje nas minhas buscas de informações para postar aqui…. me deparei com a coluna de Pedro Henrique Marum (Warm up), achei palavras tão apropriadas que resolvi repeti-las. Emmo é assim que  Emerson Fittipaldi  é conhecido nos Estados Unidos, mas uma vez foi o brasileiro que abriu as portas, desta vez na América do Norte depois de anos de Europa na Formula um, com dois títulos mundiais.

Vitória de Emerson Fittipaldi após disputa marcante com Al Unser Jr, pódio de Raul Boesel e narração icônica de Luciano do Valle foram alguns dos fatores que transformaram a 73ª edição da Indy 500 em divisor de águas para a aceitação da categoria no Brasil.

Nesta quarta, 28 de maio, a primeira vitória de um piloto brasileiro nas 500 Milhas de Indianápolis completa um quarto de século. Naquele dia, 25 anos atrás, Emerson Fittipaldi dominou a 73ª edição da maior corrida dos Estados Unidos em sua maior parte. Quando não teve carro para ser melhor, contou com a sorte — como quando Michael Andretti assumiu a liderança e logo perdeu o motor, estourado —, ou foi bravo — como no fim, ao dividir a curva três com Al Unser Jr..

É difícil pensar na Indy no Brasil e não lembrar da narração de Luciano do Valle para a TV Bandeirantes: “Bateu Al Unser! Bateu Al Unser! Emerson vai ganhar! Emerson vai ganhar! O Brasil ganhou! Sabe por quê? Vai dar bandeira amarela, e o Emerson está na frente. Ganhou o Brasil! Ganhou o Brasil! Espetacular! Uma vitória que vai ficar para a história de todos nós!”
Muitos são os que indicam essa corrida, 25 anos atrás, como o marco zero para a Indy ter dado certo no país. Assim como a narração icônica de do Valle, responsável por realizar aquela transmissão. Com Emerson vencendo e Raul Boesel subindo ao pódio, ficou difícil virar o rosto para a categoria americana.
A atuação praticamente impecável de Fittipaldi aquele dia garantiu a ele um lugar no troféu da Indy 500, bem como na história do automobilismo. Claro que a vitória sozinha já seria motivo de colocar para sempre seu nome num pedestal junto aos outros vencedores da prova, mas não foi ‘apenas’ isso. Ali, naquele dia de maio de 1989, Fittipaldi se tornou apenas o quarto campeão da F1 a vencer as 500 Milhas. Jim Clark, Graham Hill e Mario Andretti fizeram, antes dele. Sua emoção ao vencer levou-o às lágrimas. Aos 42 anos e com uma carreira repleta de láureas, chorava ao dizer que “era um sonho desde criancinha”.
2014527229158_Indy500 1989-57-5-EMERSON-FITTIPALDI-CAR-20_II
Para receber a quadriculada no Speedway, Emerson teve de vencer um chassi que não estava em dia bom, aparentemente. O recém-estreado PC-18, fornecido pela Penske, teve problemas na prova. Com pouco mais de 100 voltas, nenhum dos três carros da equipe que era a atual vencedora da prova seguiam. A aparente preocupação latente que o problema se repetisse na Patrick foi logo limpo. Nada aconteceu. Fittipaldi disputara a Indy 500 antes, quatro vezes. Já havia liderado, tido chances de triunfar. No ano anterior, batera na trave. Em maio de 1989, não. Ele seguiria para vencer o campeonato aquele ano, com vitórias em Detroit, Portland, Cleveland e Nazareth. Venceria a grande corrida mais uma vez, em 1993.
No Victory Lane, um Chip Ganassi que já era co-dono da Patrick, com tudo acertado para transformar a equipe em sua própria, na temporada seguinte. Foi a primeira vez de Ganassi como um dono de equipe vencedor de prova. Já ‘Pat’ Patrick, que tinha tudo certo com Ganassi, desistiu da aposentadoria. Procurou um novo box onde pudesse implementar a Patrick Racing. Achou. E, apesar da pouca expressão, o time teve vida até o final de 2004.

Veja também

Hélio Castroneves Vence Corrida 2 em Detroit.

  Hélio Castroneves não vencia na Fórmula Indy há quase um ano. Neste final de …

Sato é Pole na Corrida 2 em Detroit e Catroneves é o Terceiro.

  Em uma classificação com sistema diferente e de apenas 30 minutos de duração, Takuma …

Will Power vence prova 1 em Detroit e Kanaan é terceiro lugar.

  Em Prova muito disputada com vários lideres, Will Power venceu com uma estratégia discreta, …