Home » Destaques » Férias: O que verificar antes de por o carro na estrada

Férias: O que verificar antes de por o carro na estrada

Finalmente chegou a época mais esperada do ano: O período de férias!

. É hora de colocar em prática a tão desejada viajem, arrumar as malas e se preparar para curtir  momentos de lazer sem preocupações.

capapraia

Mas não devemos esquecer que este também é o período em que se registra o maior número de acidentes rodoviários.

Você já revisou seu veículo antes de pensar em pô-lo na estrada? Para evitar acidentes, defeitos, riscos ou inconvenientes, durante o trajeto da viagem, é importante que seu automóvel esteja em ordem.

Por isso, a dica do Blog é a seguinte: Leve seu carro em uma oficina mecânica de sua confiança, para uma manutenção preventiva antes de ir para a estrada e evite surpresas desagradáveis.

família-empurra-o-carro-15098014

Para quem prefere fazer pessoalmente esta checagem antes de viajar, preparamos uma lista de itens importantes a serem checados antes de você viajar. Mesmo para quem segue a rotina de manutenção recomendada pela fábrica, antes de por o carro na estrada, recomenda-se que se faça uma revisão de determinados itens.

É bom lembrar, que esta revisão nunca deve ser feita na véspera, já que se houver necessidade de substituição de alguma peça, muitas vezes é impossível fazer isso de um dia para o outro.

Nunca se esqueça do seguinte: A troca de uma peça, componente  ou equipamento em uma loja de sua confiança é um preço. Na beira de uma estrada e com sua família dentro do carro, o preço pode ser muito maior do que você imagina!

CARRO_QUEBRADO1004201111082205052011191627_med

Veja abaixo, a lista do que deve ser verificado antes de você viajar:

Filtros de ar, óleo e combustível 

Efetue a troca desse sistema conforme indicado no manual do proprietário. Trocar o óleo, por exemplo, sem a troca do filtro, diminui a vida útil do lubrificante.

Pneus

Não se esqueça de incluir o estepe na inspeção. No caso de haver uma ou mais bolhas, substitua imediatamente a unidade: é um indicativo de dano estrutural irreversível na carcaça, havendo sérios riscos de explosão, principalmente na estrada – onde o pneu é exposto a uma temperatura maior, elevando sua pressão interna.

pneu-furado-carro-estrada-amigos-viagem

Desgaste irregular na banda de rodagem é um indicativo de desalinhamento da suspensão, ou de uso de pressão inadequada no pneu por longos períodos. De acordo com a Resolução 558/80 do Código Nacional de Trânsito, os sulcos devem ter no mínimo 1,6mm de profundidade. É pouco se comparado a um pneu novo, com 8mm em média. Eles são vitais para a correta drenagem na banda de rodagem no caso de chuva, prevenindo a temida aquaplanagem.

Cheque a pressão de todos os pneus, e atente à quantidade de passageiros e bagagem que o carro irá carregar, pois quase todos os modelos exigem pressões diferentes para esta condição.

Rodas

Em rodas de ferro, procure amassados. Se a pressão de um pneu estiver mais baixa que os demais, é provável que a roda esteja amassada, permitindo a fuga de ar. O reparo é simples e pode ser feito por um bom borracheiro. Em rodas de liga, atente a quebras e trincas. Dependendo do caso, sua substituição pode ser necessária.

Triângulo, macaco e chave de roda

Não confira apenas se os itens estão no carro. Faça uma checagem de funcionamento: um triângulo com a haste de apoio quebrada não serve pra nada, por exemplo.

Alinhamento da suspensão e balanceamento das rodas

Muitas vezes são deixados de lado. O pior é que seus sintomas costumam aparecer somente em velocidades mais altas: vibrações ao volante, no caso de uma roda desbalanceada; ou direção desalinhada (o carro puxa para um dos lados), no caso de alinhamento fora das especificações de fábrica – que pode ocorrer quando o carro acerta um buraco ou a calçada.

Suspensão

  O sistema de amortecimento e estabilidade do veículo é tão importante quanto o dos freios. Além dos amortecedores, as molas, as buchas, as bandejas, os pivôs e os terminais também merecem inspeção para evitar que você saia da sua rota.

Correia dentada

A substituição preventiva desse elemento, segundo os fabricantes, deve ser efetuada (em média) a cada 50 mil km. Mas uma verificação em cada 15 mil km pode apontar trincas e desgastes indicando a necessidade de troca. O rompimento desta peça pode danificar gravemente o motor.

manutencao-do-veiculo

Fluidos

Na estrada, o motor é submetido a um esforço maior que no ciclo urbano. Por isso, é importante checar o nível, a validade de todos os fluidos e seus respectivos filtros, bem como a presença de vazamentos: líquido de arrefecimento, óleo do motor e transmissão, fluido de freio, direção hidráulica e embreagem, e nível do combustível do reservatório de partida a frio (carros flex). Se o prazo de troca de filtros e fluidos estiver próximo, não há mal em adiantá-lo.

Sistema elétrico

Para viajar com segurança, é importante também fazer um check-up na bateria, no motor de partida, no alternador e em todas as lâmpadas e fusíveis do carro. Lembre-se, você pode pegar uma serra com neblina ou estrada em dia de chuva. E não deixe dispositivos elétricos funcionando por muito tempo, como o rádio, caso o motor esteja desligado. 

carro parte elétricaimages (8)

Limpador de para brisas – Cheque se as lâminas e as borrachas estão em bom estado e se os encaixes das hastes estão seguros. Lave a borracha das palhetas apenas com água.

Sistema de limpeza dos vidros

Além do funcionamento dos limpadores e desembaçadores, confira o nível do reservatório de limpeza e o estado das palhetas. Se estiverem ressecadas, não farão o escoamento adequado da água. No dia da viagem, limpe bem os vidros: a sujeira reflete luz e dificulta a visão. Em carros sem ar-condicionado, não é má idéia levar um pano de algodão e um spray anti-embaçante. Na chuva farão grande diferença.

Motorista

– Uma boa noite de sono é fundamental: motorista cansado tem reflexos mais lentos, que podem expô-lo a um risco maior de se acidentar.

– Em caso de viagens mais longas, pare a cada três horas para alongar braços e pernas. Se você prolonga a viagem, está sujeito a um efeito conhecido por “hipnose rodoviária”, quando o motorista está com os olhos abertos, mas sem a percepção da realidade a sua volta.
– Nunca beba antes de dirigir.

– Respeite os limites de velocidade.

– Evite viagens no período noturno, quando a visibilidade é menor, assim como a segurança.

– Se for dirigir, não beba.

Documentos

– Ande com a documentação do veículo e a sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em dia. Afinal, se você for parado pela fiscalização, seu veículo pode ser apreendido. A documentação irregular resulta em infração gravíssima, com sete pontos na carteira e multa de R$ 191,54. Além disso, o veículo só será liberado após a regularização de todas as pendências da documentação e o pagamento de multas.

– Observe se os documentos não foram esquecidos do lado de fora da mala. Imagine a dor de cabeça de interromper o passeio e ainda ter o carro apreendido pela fiscalização.

– Nunca entregue o veículo a pessoa que não é habilitada, ou seja, para quem não tem a CNH. A irregularidade gera duas infrações gravíssimas (cada uma com 7 pontos); e o valor da multa, de R$ R$ 574,62 e APREENSÃO DO VEÍCULO.

Chuva

– Se enfrentar pista molhada, diminua a velocidade, acenda os faróis e aumente a distância do veículo que segue à frente.

– Para evitar a aquaplanagem (quando o veículo perde a aderência dos pneus com o solo), utilize o freio motor (ou seja, reduza a velocidade usando o câmbio ao invés do freio).

– Evite ao máximo possível parar no acostamento. Se a chuva estiver muito forte, estacione em um posto de gasolina, por exemplo.

Estrada

– Entre em contato com a concessionária da rodovia que vai utilizar, para saber as condições de tráfego e horários de pico. As concessionárias contam com sistema 0800 e site para informações.

No mais, é lembrar que, a comemoração deve ser feita assim que chegarem a seu destino, nunca durante a viajem!

Pra quem vai, Deus os acompanhe, tanto na ida, quanto na volta!

 Val Oliveira/Blog do Tribuna

15726771_844076702361378_3464078044037519264_n

Agende sua revisão na Anísio Auto Peças e viaje tranquilo: Tel 3841 1621

 

 

 

 

Veja também

DESTINO FÉRIAS DE VERÃO: Que tal passar uns dias em Rio das Ostras?

Muito procurado no verão, o município de Rio das Ostras é o 3º lugar na …

DESTINO FÉRIAS DE VERÃO: Que tal passar uns dias em Piúma?

Também no litoral capixaba, o município de Piúma é o 2º município que mais atrai …

DESTINO FÉRIAS DE VERÃO: Que tal passar uns dias em Guarapari?

Sonho de consumo de verão de 11 em cada 10 interioranos, Guarapari é a 1ª …